Métodos para o tratamento da osteocondrose

A osteocondrose é uma doença em que, como resultado de processos degenerativos, a estrutura das articulações e discos intervertebrais é perturbada, o que leva à compressão da raiz espinhal.Os processos de inflamação levam à dor intensa; em uma doença de longa duração, a função dos órgãos internos pode ser prejudicada.como tratar a osteocondrose da colunaO distúrbio metabólico dos discos intervertebrais é muito doloroso, por isso é muito importante saber tudo sobre a osteocondrose: o que é e também como tratar a osteocondrose da coluna vertebral.

A essência da osteocondrose

Para entender a essência do tratamento de doenças da coluna vertebral, você precisa saber o que é osteocondrose. No cerne da doença está a violação do trofismo das vértebras, os discos intervertebrais.A osteocondrose intervertebral leva a uma mudança na estrutura correta de todos os tecidos, partes da coluna vertebral. Perda de elasticidade, forma, consistência do disco cartilaginoso, o que provoca uma redução na distância entre as vértebras adjacentes. A instabilidade leva à compressão das raízes nervosas devido ao estreitamento dos orifícios por onde saem, os músculos das costas ficam tensos e ocorre dor. É assim que a osteocondrose aparece.

A osteocondrose progressiva apresenta sinais de complicações na forma de protrusão e hérnia vertebral. No futuro, a osteocondrose intervertebral leva a alterações degenerativas nas pequenas articulações da coluna vertebral, ligamentos intervertebrais. Por causa do crescimento ósseo, a flexibilidade da coluna é perdida, subluxações e curvaturas começam a aparecer. Normalmente, esses processos são característicos do envelhecimento fisiológico do corpo, mas a doença também atinge os jovens. Portanto, a questão do que fazer com a osteocondrose preocupa quase todos os segmentos da população. Para fazer isso, você deve descobrir as causas da doença.

Razões

Existem muitos fatores que levam ao desenvolvimento da osteocondrose. A formação do leito vascular começa nos discos intervertebrais, e sua nutrição ocorre de acordo com o princípio da difusão. É este fator que impede a regeneração do disco sob estresse excessivo e lesões. Uma pessoa freqüentemente reclama de dores nas costas. As causas da osteocondrose estão diretamente relacionadas ao modo de vida incorreto das pessoas.

  1. Nutrição pobre ou inadequada. Não recebendo nutrientes, os discos intervertebrais começam a ficar mais finos e deformados.
  2. Uma causa importante de osteocondrose é a falta de atividade física suficiente, grande peso corporal, distúrbios metabólicos.
  3. Distúrbios do sistema musculoesquelético, piora da postura, pés chatos.
  4. Os danos são uma causa muito comum de osteocondrose. Microtrauma da coluna vertebral devido a golpes, quedas, movimentos irregulares, abruptos, muito estresse. Macrotrauma devido a fraturas, hematomas graves.
  5. Doenças infecciosas, intoxicação.
  6. Estresse, além de fumar, provoca vasoespasmo.
  7. A hereditariedade afeta o aparecimento da doença.
  8. Fator climático na forma de frio e umidade do ar.
As principais causas da osteocondrose

As principais causas da osteocondrose são a distribuição desproporcional da carga na coluna, espartilho muscular muito fraco. Pessoas com mais de trinta anos correm maior risco, especialmente se o trabalho envolve ficar sentado por muito tempo. Para saber como se livrar da osteocondrose, é preciso entender o caminho do seu desenvolvimento, quais os estágios de lesão que a coluna vertebral sofre durante a doença.

Desenvolvimento da doença

O que causa a osteocondrose?Devido à influência dos fatores negativos acima, a doença começa a progredir, passando por vários estágios de desenvolvimento.Este:

  1. No primeiro estágio, a osteocondrose intervertebral começa devido à desidratação no núcleo pulposo dos discos intervertebrais. Sua forma muda, tornando-se mais plana. A distância entre as vértebras é reduzida, as fissuras aparecem gradualmente na cartilagem.
  2. No segundo estágio, é observada mobilidade anormal dos corpos vertebrais, eles podem se mover e deslizar. O aparelho ligamentar e muscular cede devido a pequenas lacunas entre os discos, instabilidade motora.
  3. O terceiro estágio é caracterizado por subluxação vertebral, artrose, extrusão de discos intervertebrais.
  4. A restauração degenerativa da coluna vertebral começa. Espinhas ósseas, osteófitos são formados entre as vértebras. É assim que o corpo se adapta ao estado não natural da coluna. Gradualmente, o número de crescimentos ósseos aumenta e as vértebras são quase completamente imobilizadas. Nesse estágio, a intervenção cirúrgica pode ser necessária para tratar a osteocondrose.

Classificação

A classificação mais comumente usada é baseada nas partes afetadas.

  1. Região lombar. A variante mais comum da doença. A parte dorsal apresentada suporta a carga principal, podendo surgir uma hérnia intervertebral.
  2. Os sinais de osteocondrose da coluna cervical ocorrem devido ao fraco desenvolvimento dos músculos do pescoço. Mesmo uma pequena carga pode levar à deformação das vértebras.
  3. Os sinais de osteocondrose torácica não ocorrem com tanta frequência como os dois anteriores. Esta seção é a mais imóvel, além disso, possui proteção em forma de costelas e espartilho muscular. A osteocondrose resultante se manifesta como resultado do desenvolvimento de escoliose.
  4. A coluna sacral carrega o peso da coluna vertebral e dos órgãos torácicos e abdominais. É mais comum em mulheres e é caracterizado por problemas nas extremidades inferiores.
  5. Sintomas extensos de osteocondrose se manifestam em duas partes da coluna vertebral ao mesmo tempo.

Sintomas da doença

Os sinais de osteocondrose dependem da localização do processo patológico. Como a osteocondrose se manifesta é uma questão interessante.Sintomas de doençaA dor pode variar de leve a forte e persistente, até mesmo insuportável. Os sintomas e o tratamento estão intimamente relacionados. O primeiro ajuda a descobrir como e como tratar a osteocondrose das costas. Os principais sinais da doença de acordo com sua localização:

  1. Os problemas da coluna cervical são caracterizados por tonturas, visão turva e fadiga ocular severa. Existem dores no pescoço, ombros, braços, cabeça, que são agravadas ao virar o pescoço. O paciente nota dormência na pele do rosto, pescoço e mãos. Manchas coloridas podem aparecer diante dos olhos. Além disso, muitas vezes há perda de consciência devido a distúrbios circulatórios na coluna cervical e sintomas da síndrome da artéria vertebral.
  2. Os sinais de osteocondrose na coluna torácica são distinguidos pela sensação de "cola" no peito, quando a dor aguda ou cortante irradia para o coração e os pulmões. Sensações dolorosas com uma respiração profunda e aguda.
  3. Sintomas de osteocondrose da coluna lombossacra - a dor irradia para a virilha, sacro e pernas, causando distúrbios na sensibilidade das extremidades inferiores, dores e dormência. As veias varicosas são possíveis. A localização da doença na região lombar apresenta sinais de disfunção sexual, às vezes causa disfunção dos órgãos pélvicos. A cura da parte inferior das costas devolve a força masculina. Para as mulheres, problemas nesta área afetam negativamente o curso da gravidez e a menstruação.

A osteocondrose intervertebral é caracterizada por uma série de sintomas comuns. Fatigabilidade rápida pode aparecer com estresse, tanto mental quanto físico. Há "lumbago" em outros órgãos, músculos, sintomas de osteocondrose nas costas começam a aumentar. A dor durante a inflamação aumenta ao espirrar ou tossir, dobrar, virar o corpo, a cabeça. Há um calafrio nas extremidades superiores e inferiores. A osteocondrose das costas, que dura muito tempo, praticamente não causa dor, mas a mobilidade das partes correspondentes da coluna vertebral é perdida com a fusão das vértebras afetadas.

Diagnóstico e tratamento

Depois de descobrir os sintomas da osteocondrose, o tratamento é prescrito de acordo com o diagnóstico.Diagnóstico e tratamentoApós examinar e questionar o paciente, o neurologista responsável anuncia o diagnóstico preliminar. Além disso, métodos de diagnóstico instrumentais são usados: TC - tomografia computadorizada, MRI - ressonância magnética, ultrassom Doppler, raio-X, mielografia. Um exame completo ajuda a identificar as complicações associadas à osteocondrose vertebral: hérnia, ciática, protrusão, cifose.

É possível curar a osteocondrose?O tratamento da osteocondrose espinhal é um processo longo e passo a passo. A duração do curso depende da idade do paciente, da gravidade da osteocondrose da coluna vertebral, do tratamento e da adesão do paciente a todas as recomendações do médico.Antes de lidar com a doença, você deve se familiarizar com as principais orientações da terapia, aprender os métodos de tratamento da osteocondrose:

  • medicamento;
  • fisioterapia;
  • dieta
  • ;
  • tratamento cirúrgico;
  • resort de saúde.

Como já mencionado, o médico deve decidir como curar a osteocondrose da coluna. Dependendo da gravidade da doença, o tratamento conservador ou cirúrgico é utilizado. Em casos especialmente graves e negligenciados de desenvolvimento da doença, é tomada uma decisão sobre a intervenção cirúrgica. Basicamente, é utilizado o tratamento complexo da osteocondrose. Remédios e tecnologia médica de diferentes setores são usados ​​juntos.

Na fase inicial, o tratamento eficaz da osteocondrose visa eliminar a dor. O paciente usa espartilhos especiais para aliviar o estresse na coluna. Tratamento médico, fisioterapia é realizada. O próximo passo é tomar medidas para prevenir a exacerbação da osteocondrose vertebral. Os métodos mais eficazes são usados ​​- exercícios de fisioterapia, massagem, reflexologia.

Medicação

Os medicamentos são concebidos para eliminar a dor, inflamação, ativar a regeneração do tecido da cartilagem e melhorar a circulação sanguínea nos tecidos afetados. Principais grupos de medicamentos para tratamento:

  1. Antiinflamatórios não esteróides. NVPs alivia a dor, alivia a inflamação, diminui a temperatura dos tecidos doentes da coluna vertebral. Se os sintomas forem pronunciados, são prescritas injeções de medicamentos como metamizol de sódio, diclofenaco e meloxicam duas vezes ao dia. Em seguida, é feita a transição para os medicamentos em comprimidos: ibuprofeno, paracetamol, nimesulida. Todo o curso de tratamento dura de dez dias a um mês. Eles recebem fundos de 1 a 4 vezes ao dia. Também são usados ​​cremes ibuprofeno, nimesulida e diclofenaco de sódio, aplicados na pele da coluna afetada.
  2. Relaxantes musculares. Reduz o tônus ​​muscular excessivo, relaxando as fibras musculares estriadas. Eles são aplicados dentro de um mês. Em casos graves, uma forma injetável do medicamento é prescrita - cloridrato de tolperisona. Em seguida, são usados ​​comprimidos: cloridrato de tolperisona, baclofeno, tizanidina. O regime começa com pequenas doses, aumentando gradualmente para terapêutico e diminuindo até ser cancelado.
  3. Condroprotetores. Visa melhorar o metabolismo, regeneração do tecido cartilaginoso em caso de osteocondrose (sulfato de condroitina). Existem formas de injeção para injeção intramuscular e intra-articular. O curso da terapia pode durar até quatro meses.

Também existem medicamentos adicionais para ajudar a acelerar o processo de cicatrização:

  • As vitaminas B1, B2, B6, E são prescritas na forma de injeções em cursos de dez dias, melhoram a condução dos impulsos nervosos, catalisam a regeneração do tecido e aceleram o metabolismo;
  • angioprotetores na forma de comprimidos de diosmina, dipiridamol, bem como formas injetáveis ​​da droga: a pentoxifilina, são usados ​​para melhorar o fluxo sanguíneo nas veias, aumentar o tônus ​​vascular. O tratamento dura de um a três meses;
  • Os glicocorticosteróides reduzem o inchaço e a inflamação e aumentam os efeitos de medicamentos essenciais. Existem injeções para injeção nos músculos ou nas articulações, isto é metilprednisolona. Existem pílulas como a metilprednisolona. O curso de tratamento é prescrito pelo médico individualmente para cada paciente;
  • estimulantes biogênicos são usados ​​para acelerar os processos metabólicos, ajudando a curar tecidos danificados. Mais comumente usado na forma injetável: Aloe.

Fisioterapia

Os métodos de fisioterapia permitem ativar os processos de cura, prolongar a fase de remissão, prevenir o aparecimento de novas exacerbações.Os melhores métodos de fisioterapia incluem:

  • A terapia com exercícios é um dos melhores métodos de tratamento da osteocondrose, que deve ser usada fora do período de exacerbação. Um espartilho muscular bem desenvolvido contribui para uma distribuição uniforme da carga na coluna. O exercício regular melhora a circulação sanguínea e repara os danos. Os exercícios respiratórios aliviam os espasmos musculares e ajudam a superar a dor. Ginástica articular, equipamento de reabilitação e natação aliviam o estresse da coluna;
  • A massagem
  • melhora a condução nervosa, tonifica os músculos;
  • reflexologia. A ativação das defesas do corpo, fortalecendo o sistema imunológico, aliviando espasmos e dores é conseguida agindo em certos pontos do corpo com a ajuda das melhores agulhas;
  • A eletroforese
  • cria o efeito de relaxamento muscular e alívio da dor. O fluxo sanguíneo nos tecidos doentes é normalizado.

Para curar a osteocondrose espinhal, também são utilizadas terapia manual, magnetoterapia, tração espinhal, terapia a laser, termoterapia, terapia com lama, terapia por ondas de choque, duchas e banhos curativos.terapia manualTodos esses métodos reduzem significativamente a taxa de progressão da doença. A duração de um curso pode ser de até quinze dias. Três ou quatro repetições do curso são realizadas anualmente. Uma abordagem integrada da terapia ajuda a eliminar para sempre as exacerbações da osteocondrose.

Devo dizer que muitas vezes se pergunta se a osteocondrose é tratada com remédios populares. Não, mas com o tratamento principal ajudam a aliviar o quadro, os métodos devem ser combinados com o médico assistente. É possível tratar áreas problemáticas das costas com infusões e fricção. Para fazer isso, misture um copo de mel e um copo e meio de suco de rabanete. Adicione cem gramas de vodka. Após mexer, o produto deve ser bem esfregado na área afetada da coluna, duas vezes ao dia.

Vale a pena fazer outra infusão. Então, 500 gramas de vodka são despejados em um copo de flores lilás. Insista em um recipiente bem fechado por dez dias. A infusão filtrada do medicamento é esfregada na área afetada.

Dieta

A nutrição dietética adequada deve consistir em uma quantidade suficiente de proteínas, gorduras e vitaminas.É aconselhável excluir da dieta os carboidratos de fácil digestão. O conteúdo calórico dos alimentos deve ser de 1. 500 a 2. 500 kcal. Com a exacerbação da doença, a nutrição deve se tornar fracionária. É necessário comer assim mesmo depois que a condição da coluna melhorar.

Ao nos depararmos com osteocondrose pela primeira vez, a pergunta não deve surgir. O primeiro passo é consultar um médico que saiba tudo o que você precisa saber sobre osteocondrose. O tratamento é um processo bastante trabalhoso e longo, acompanhado de dor e inatividade da pessoa. É possível curar a osteocondrose - essa questão permanece em aberto devido à influência de vários fatores. Depois de se livrar dos sintomas agudos, você precisa continuar a cuidar de sua coluna. A luta contra a doença deve ser constante. Uma pessoa que vence seus maus hábitos adquire uma coluna saudável e forte em troca.